#b-navbar { display: none; }

sexta-feira, abril 19, 2013


COM O PERDÃO DOS PÁSSAROS


Escrevo estas palavras
sobre a antiga pele das migrações.

Que me perdoe o bosque

Uma sombra de pássaro
há na alma desta página
uma sombra de pássaro.

Perdoem-me
se não voo.




gustavo tatis guerra




 photo annaadem.jpg

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home