#b-navbar { display: none; }

quarta-feira, abril 28, 2010

hoje sou eu que poso para o teu poema
como uma modelo numa cama de flores
que estaria
a vida inteira diante dos teus olhos
até ser só ossos, ouro, palavras, rebentação.






Ana Salomé






Photobucket

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home