#b-navbar { display: none; }

quarta-feira, outubro 21, 2009

Há lugares a que não se espera voltar. Apagou-se sobre eles a lâmpada das imagens, não se acredita mais no tempo que eles são.
Tornaram a uma irrealidade que não se confunde já com o desejo. Às imagens passadas seguiram-se as reais e a estas as imagens em que, numa penumbra de corredor nocturno, as formas falsas e as formas verdadeiras se misturam.
Porém um dia, está-se de novo na margem escura do estuário coberto de nuvens, estreito neste ponto onde os nomes renascem e a cidade encosta os seus enormes símbolos ao cais.




Gastão Cruz





Photobucket

1 Comments:

Blogger hfm said...

Belíssimo!

21/10/09 08:51  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home