#b-navbar { display: none; }

segunda-feira, maio 04, 2009

No fim de contas, não admirei sempre aqueles que batem com a porta e se vão embora? Eu sei que no fundo nos fartam as nossas vidas perfeitamente em ordem, de maneira que ao ouvirmos “deixou todos boquiabertos” ou “disse que não e foi-se embora sem mais nem menos” sentimos uma profunda inveja daqueles que se atrevem a bater estrondosamente com a porta.




Enrique Vila-Matas




Photobucket

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home