#b-navbar { display: none; }

quarta-feira, julho 30, 2008

Dizia-te do minuto certo. Do minuto certo do amor. Dizia-te que queria olhar para os teus olhos e ter a certeza que pensavas em mim. Que me pensavas por dentro. Que era eu a tua fantasia, o teu banco de trás. O teu desconforto de calças caídas, de pernas caídas, da rua que não estava fechada porque nenhuma rua se fecha para o amor. Na cidade do meu sono, havia palmeiras onde alguns repetiam charros e putas e atiravam pedras ao rio. Mas eu nunca gostei de clichés. Nem de quartos de hotel. Nem de camas que não conheço. Eu nunca abri as pernas no liceu. Nunca abri as pernas aos dezassete anos, de cigarro na mão. Eu nunca me comovi com o sonho de ser tua. Eu nunca quis que ficasses, entendes? Que viesses. Queria que quisesses de mim esse minuto certo, essa rua húmida de ser norte. Queria que me quisesses certa, exacta, como o minuto onde me pudesses encontrar. Eu nunca quis de ti uma continuidade. Mas um alívio, uma noção de ser gente, entendes? Eu nunca quis de ti o sonho do sono ou da viagem. Nunca te pedi o pequeno-almoço, a ternura. Nunca te disse que me abraçasses por trás, que adormecesses. Eu nunca quis que me desses casa e filhos e lógica. Que me convidasses para dançar. Queria os teus olhos a fecharem-se comigo por dentro e tu por dentro de mim.

Queria de ti um minuto. Um minuto.



Filipa Leal



Photobucket

7 Comments:

Blogger your poison melody said...

brutal...brutal...mesmo

30/7/08 08:47  
Blogger margarete said...

"Queria os teus olhos a fecharem-se comigo por dentro e tu por dentro de mim."

(há mt tempo que não pesquiso gregory crewdson, esta está brutal, vou usar um dia destes)

30/7/08 12:39  
Blogger galakteia said...

magnífico!

30/7/08 20:17  
Blogger polaroid thoughts said...

de cortar a respiração. acho que a partir do meio do texto até ao fim parei mesmo de respirar :P

31/7/08 00:01  
Blogger menina tóxica said...

das postas mais lindas da lebre*

31/7/08 00:59  
Blogger marta (doavesso) said...

lindo lindo lindo. mesmo.

31/7/08 02:18  
Anonymous joão said...

PELO AMORRRRR DE DEUS!!! POR ONDE ANDEI QUE AINDA NÃO CONHECIA ESSAS COIAS QUE NESTE BLOG ESTÃO!!!!
SIMPLISMENTE MAGNÍFICO, PLENO DE BELEZA, DOR, TERNURA, AMOR... INDEFINÍVEL... DIGO EM RELAÇÃO A TUDO QUE LI AQUI NO BLOG.
MUITO BOM.
VAI NO MEU BLOG E ME DÁ UMA NOTÍCIA, PRECISO DESESPERADAMENTE SABER UM POUCO MAIS DESSA PESSOA QUE ESCREVE, POR FAVOR, COMO DISSE ALGUÉM NUM POST.... ESTOU SEM ARR!!

joaofmonteiro.blogspot.com

6/8/08 09:09  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home