#b-navbar { display: none; }

quinta-feira, novembro 22, 2007

a noite forra o quarto como uma
longa viagem do corpo entre pedaços de algodão

tenho marcas sem cor pelos braços
restos de palavras já usadas

preciso do umbigo para rematar
os vazios que cosi à pele

todas as palavras com o peso de a noite ainda ser noite



Maria Sousa



Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

6 Comments:

Blogger menina limão said...

olha, esse poema :)

22/11/07 04:37  
Blogger Tinta no Bolso said...

atrasado, e não estou aqui para falar nisso, mas olha uma noite sem peso e um quarto forrado para ti

22/11/07 09:40  
Blogger A. said...

parabéns
pelas palavras :)
que nos ofereces

22/11/07 17:22  
Blogger ana c. said...

maria, muito bonito.

22/11/07 22:41  
Blogger menina tóxica said...

:)) o 'poema umbigo'.
lindo lindo.

22/11/07 23:53  
Blogger lebredoarrozal said...

obrigada:)

23/11/07 04:31  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home