#b-navbar { display: none; }

sexta-feira, agosto 31, 2007

Se procuro o teu rosto
no meio do ruído das vozes
quem procura o teu rosto?

Quem fala obscuramente
em qualquer sítio das minhas palavras
ouvindo-se a si próprio?

Às vezes suspeito que me segues,
que não são meus os passos
atrás de mim.

O que está forá de ti,falando-te?
Este é o teu caminho,
e as minhas palavras os teus passos?

Quem me olha desse lado
e deste lado de mim?
As minhas dúvidas,até elas te pertencem?



Manuel António Pina



Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

4 Comments:

Blogger menina tóxica said...

este poema soube-me mesmo bem.

:)

31/8/07 11:12  
Blogger Abbie said...

Pode ser este roxo, pode não ser. Provavelmente não é. Mas estes teus últimos poemas de agosto deram-me tanto...

31/8/07 13:25  
Blogger lebredoarrozal said...

:)*

6/9/07 04:18  
Blogger teresa sá said...

Adoro a fotografia

11/10/07 18:08  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home