#b-navbar { display: none; }

terça-feira, julho 17, 2007

tradução caseira da lebre


Não o poema da tua ausência,
apenas um desenho, uma greta num muro
algo no vento, um sabor amargo.



Alejandra Pizarnik


5 Comments:

Blogger bruno .b.c said...

belíssimo post, lebre.

17/7/07 19:18  
Blogger magarça said...

Nas coisas mais simples se esconde a ausência..um belo poema.

17/7/07 23:20  
Blogger menina tóxica said...

post lindo :)

(nunca tinha intoxicado estes comments, mas sempre me delicio com os posts todos. e o fundo está lindíssimo.)

18/7/07 02:05  
Blogger lebredoarrozal said...

obrigada:)*

18/7/07 12:23  
Blogger firmina12 said...

delicioso poema: fico com inveja de não ser meu

19/7/07 15:37  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home