#b-navbar { display: none; }

sexta-feira, fevereiro 09, 2007

num dia de Inverno falta ao verde
ter a forma de clareira
quando as árvores se dobram
são feitas de sombra
perdemos o toque de cada gesto
a fazer folhas



Maria Sousa


Photobucket - Video and Image Hosting

3 Comments:

Anonymous pedro said...

O verde que sobra é da toalha que se estende na clareira, escura, sombreada pelas árvores, de folhas impermeáveis ao sol - o jeito perdido de as fazer entremeando a luz.

9/2/07 13:42  
Blogger lebredoarrozal said...

:D grande comentário:D

9/2/07 18:39  
Blogger Az said...

bonito poema. bonito comentário.
vou experimentar fazer folhas no silêncio.

13/2/07 17:45  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home